A FOLHA DO LITORAL

Cultura indígena será comemorada em novo formato, este ano


HomePage

Uma nova estrutura para a comemoração da cultura indígena já está sendo estudada pela Prefeitura de Bertioga para ser realizada no mês de abril. A intenção é envolver toda a comunidade em ações educativas em substituição à realização do tradicional Festival Nacional da Cultura e Esporte Indígena, que acontece na Cidade.

A decisão de alterar os moldes das comemorações este ano foi tomada após reunião com a presença de representantes das diversas secretarias municipais e se deve, principalmente, às medidas de contingenciamento que já vêm sendo adotadas pela municipalidade desde agosto do ano passado. Tais medidas consideram a crise financeira do país, que obrigaram a implantação de medidas de economia por parte dos governos Federal e Estadual, que afetam os repasses de recursos ao Município.

As comemorações, este ano, não terão a configuração tradicional, com a vinda de indígenas de etnias de diversas regiões do país, que envolve condições indispensáveis de qualidade para os visitantes e conforto para os indígenas, quando são necessários gastos em transporte, acomodações e alimentação, além de toda a infraestrutura para os dias do evento. A cidade vive um momento de economia e prudência com as despesas públicas.

Vale ressaltar que a Prefeitura empenhou recursos na realização do Réveillon e no Verão Azul, durante a temporada de verão, o que atraiu milhares de turistas, aquecendo o comércio.

Outro fator que colaborou para a tomada de decisão da substituição do Festival Nacional da Cultura e Esporte Indígena por ações educativas refere-se a uma questão de saúde pública. Embora Bertioga tenha baixos índices das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, muitas etnias participantes do evento são procedentes de outras regiões do país, o que obriga a uma longa viagem, percorrendo áreas afetadas principalmente pelo zika vírus, o que poderia comprometer a saúde dos participantes.

As ações educativas serão elaboradas visando preservar os costumes e hábitos indígenas, mantendo a tradição de Bertioga como um dos municípios da região que mais se identificam com a cultura, principalmente em virtude de manter em seu território a Aldeia Rio Silveira, onde vivem mais de 500 índios da etnia Guarani. Toda a programação de atividades será divulgada oportunamente



     

Comente a Notícia!

Seu nome:

Seu e-mail: (não divulgaremos o seu e-mail)

Seu comentário:


Comentários


Ainda não existem comentários para esta notícia.